5 de mar de 2013

7

Cansada

Posted in



Cansada de lutar contra o tempo
Tentar sanar as feridas,
Conter as lembranças
Calar a saudade


Cansada de omitir você em mim
Esconder o choro com um sorriso
Esquivar-me dos sonhos que não esqueço
De fingir saciedade 
 
Cansada de chamar em silêncio
De sentir sozinha
De saudar sua presença, chorar a ausência
Esperar a noite, ansiar o dia
 
Estou cansada de tanto querer em vão
De todo esse sentir sem sentido
De sempre dizer calando
Cansada de te ter só na lembrança.
 
Cansada da minha espera
De você em mim, minhas recursas
Desse amor insano, inconsequente
Dessa mágoa funda, de morrer aos poucos.
 
Cansada de reviver sozinha
De acreditar em mentiras
Cansada de querer e ainda mais
De nunca desisti...

 

7 comentários:

  1. O cansaço é intenso, os versos sensíveis e tristes.
    Há uma angústia no peito da leitora atenta que, apesar do peso, se delícia de versos tão profundos!
    Parabéns!

    => Crazy 40 Blog
    => MeNiNoSeMJuIz®

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dulce, fico muito feliz com seus comentários sempre belos!

      Excluir

  2. Minha 1ª visita.
    Há coisas que cansam demais.
    Mas o dia virá!

    Deixo saudações poéticas!

    ResponderExcluir